Unidade de Vigilância em Zoonoses amplia horário de funcionamento

UVZ passa a funcionar até as 17h e também adotará regime de plantão

A Unidade de Vigilância em Zoonoses (UVZ), localizada no bairro Cidade Universitária, ampliou o horário de atendimento para assegurar o controle de doenças transmitidas por animais. Com a medida, o órgão atua na promoção da saúde e bem-estar animal e dos maceioenses.

Foto: Polyanna Monteiro – Ascom/SMS

Para ampliar o acesso da população aos serviços prestados pela Unidade, a UVZ passou a atender ao público de segunda a domingo, das 8h às 17h. Nesse horário funcionam os serviços de atendimento clínico com ênfase em zoonoses, vacinação antirrábica gratuita, castração por meio de agendamento, adoção de cães e gatos castrados e captura de animais de grande porte (equinos e bovinos) errantes.

O coordenador da Unidade de Vigilância em Zoonoses, Samy Barros, destaca que as equipes também passarão a atuar no período noturno, exceto feriados. “Das 18h às 22h estaremos atuando na captura de animais de grande porte e orientações sobre zoonoses e casos suspeitos por meio de um plantão para tirar dúvidas pelo telefone 3312-5485”, afirma.

Samy Barros, coordenador da Unidade de Vigilância em Zoonoses. Foto: Ascom/SMS

Os serviços

Para os atendimentos clínicos, basta que o animal seja conduzido até a Unidade, onde será entregue uma ficha. Durante essas consultas, não serão atendidas urgências, apenas consultas de rotina com os veterinários disponíveis. O contato para esclarecimento de dúvidas e agendamento de serviços é 3312-5576.

A vacinação antirrábica também é oferecida na Unidade durante todo o ano, não sendo necessário, portanto, aguardar campanhas anuais para ter o animal vacinado. A Unidade de Zoonoses também oferece testes rápidos para leishmaniose e controle de enteroparasitoses. O exame consiste na análise de fezes humanas coletadas em pontos estratégicos do município, identificando verminoses e controle populacional de animais com a castração e adoção de cães e gatos.

Ana Cecília da Silva – Ascom/SMS

Fechar