Servidores dos Parques de Maceió recebem capacitação da Fiocruz

Qualificação dos funcionários é mais um auxílio para que os servidores auxiliem a população que busca os serviços alusivos ao meio ambiente

Nesta quarta-feira (7), a Fiocruz realizou uma capacitação com os servidores que trabalham no Parque Municipal de Maceió e no Parque do Horto. O objetivo do treinamento foi apresentá-los a plataforma utilizada pelo órgão, chamada de SISS-GEO, responsável pelo registro da ocorrência de animais silvestres e epizootias.

Na ferramenta, é possível inserir imagens e informações sobre o adoecimento ou morte de animais silvestres. A partir daí, os dados são enviados para um setor específico da Fiocruz, onde vão averiguar adequadamente esses eventos, com a finalidade de subsidiar a tomada de decisão para a adoção de medidas de prevenção e de controle para reduzir a morbimortalidade das zoonoses na população humana.

Foto: Ascom Sudes

Coordenadora dos Parque de Maceió, Rafaela Brito explica a importância da capacitação para os funcionários e as consequências positivas para a natureza.

“Estamos cada vez mais capacitando nossos servidores para que eles possam auxiliar de maneira ainda mais efetiva toda a população de Maceió. É nosso dever, além de preservar, prestar serviço da consolidação de conhecimentos para que possamos fortalecer a conservação da biodiversidade e de boas práticas para o desenvolvimento sustentável da nossa cidade”, disse.

O Parque Municipal de Maceió está aberto para visitantes de terça a sexta, das 08h às 16h. O uso de máscara é obrigatório e quem vai ao local passa por uma aferição de medição.

Alexandre Vieira / Ascom Sudes

Fechar