PSF do Novo Mundo conscientiza diabéticos e hipertensos sobre cuidados diários com a saúde

Encontro também renovou os alertas para que a população siga com medidas protetivas para evitar a contaminação pela Covid-19

Uso regular da prescrição médica e não se automedicar são algumas das orientações que foram passadas a pacientes diabéticos e hipertensos atendidos, regularmente, pela equipe do Programa de Saúde da Família do Novo Mundo, como maneira de manter a saúde em dia e também na prevenção e combate a possíveis contágios por Covid-19. A orientação é um importante reforço nos cuidados, tendo em vista que a unidade do Novo Mundo vivenciou a perda de cinco pacientes crônicos atendidos pelos profissionais.

O encontro aconteceu no último dia 29 e, ainda, serviu para que os usuários, grupo de risco importante da doença, pudessem aprender como aplicar a insulina com a caneta, método que passou a substituir o uso da seringa para diabéticos no serviço público.

Usuários com doenças crônicas participam de palestra sobre cuidados com a saúde (Foto: PSF Novo Mundo)

De acordo com Rejane Oliveira do Nascimento, enfermeira do PSF do Novo Mundo e responsável pela palestra e orientação aos diabéticos e hipertensos, apesar da rotina mantida com os usuários sobre os cuidados que devem ter com a saúde, os profissionais ainda encontram resistência por parte dos portadores das doenças crônicas.

“Nossa batalha é diária com eles porque, apesar da conscientização que fazemos aqui, muitos não tomam a medicação regularmente ou preferem usar uma dosagem de remédio prescrita por um vizinho, por exemplo. Além dos problemas inerentes às doenças que possuem, vivemos uma pandemia e diabéticos e hipertensos têm os riscos de complicações aumentados contraindo a Covid-19. Por isso, a necessidade de reforçarmos os cuidados com a saúde, assim como com as medidas sanitárias”, afirmou a enfermeira do PSF do Novo Mundo.

Ascom / SMS

Fechar