Projeto Guarda Solidária beneficia mais de 200 famílias no Vale do Reginaldo

Após arrecadação de roupas, alimentos e brinquedos, guardas municipais de Maceió fizeram a entrega dos donativos nesta segunda-feira (23)

Como parte do projeto Guarda Solidária, os agentes de Maceió entregaram roupas, alimentos e brinquedos arrecadados para 202 famílias carentes do Vale do Reginaldo. A ação ocorreu nesta segunda-feira (23) e buscou levar alento para quem vive em situação de vulnerabilidade social.

Os guardas municipais fizeram a entrega de 127 kits de roupas para adultos e crianças. Cada um continha seis peças de roupas. Foram entregues, também, 40 pares de sapatos e 35 cestas básicas, além de brinquedos e cobertores.

Mais de 200 famílias foram beneficiadas pelo Projeto Guarda Solidária Foto: João Victor Barroso/Ascom Semscs

De acordo com o titular da Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs), Thiago Prado, a comunidade do Vale do Reginaldo foi escolhida depois de entrar em contato com os líderes comunitários da região e verificar que aquela população ainda não tinha sido beneficiada com ações desse tipo.

“Fazemos ações em várias partes da cidade, pois muitos maceioenses estão precisando de ajuda. O projeto surgiu para minimizar um pouco essa situação. Com o apoio dos nossos servidores e da população, que abraçaram a causa, conseguimos ajudar um maior número de famílias”, afirmou o secretário.

Roupas, calçados, brinquedos e alimentos foram entregues para moradores do Vale do Reginaldo Foto: Patrick Fernando/Ascom Semscs

Moradora da comunidade há 29 anos, Quitéria de Lima, de 61, agradeceu muito pelas doações que recebeu no dia de hoje. O kit com roupas que ela ganhou vai servir para seus netos.  

Dona Quitéria ficou contente com as doações recebidas Foto: João Victor Barroso/Ascom Semscs

“Isso aqui foi uma maravilha, uma benção de Deus! Era o que a gente mais estava precisando. Queria muito um cobertor e consegui, também vou levar umas roupas para os meus netos e a cesta básica vai ajudar muita gente por aqui”, disse contente a beneficiária.

João Victor Barroso/Ascom Semscs

Fechar