Procon Maceió promove renegociação de dívidas com a Equatorial nesta quarta (15)

Consumidores podem negociar com a própria empresa

O Procon Maceió, em conjunto com a Equatorial, promovem exclusivamente nesta quarta-feira (15) uma ação de atendimento único de renegociação de dívidas em atraso. A ação acontecerá durante o atendimento das 8h às 14h, na Rua Pedro Monteiro, 45, no Centro de Maceió, em frente a Praça dos Palmares. O objetivo é que os consumidores que têm débitos atrasados com a Equatorial possam negociar, no próprio órgão e ter os nomes excluídos de órgãos de proteção ao crédito, como o SPC e Serasa.

Leandro Almeida em reunião com representantes da equatorial. Foto: Ascom/procon

“Observando os dados de 2021, conseguimos constatar que o maior problema enfrentado pelo consumidor nessa pandemia tem sido o endividamento, então o Procon Maceió propôs a Equatorial que é um dos maiores credores no do Estado de Alagoas a realizar mais uma ação de negociação com oportunidades únicas e exclusiva para o consumidor e essa ação só irá acontecer no dia 15. É importante que o consumidor aproveite essa data para realizar essas negociação e limpar seu nome. Basta os consumidores comparecerem na data com seus documentos pessoais exclusivamente nesta data”, alerta o diretor executivo, Leandro Almeida.

Atendimentos – Para realizar denúncias ou obter mais informações e orientações, o consumidor pode entrar em contato pelos telefones 0800 082 4567 — até às 14h — ou no WhatsApp (82) 98882-8326. Quem prefere o atendimento presencial pode se dirigir a qualquer uma das unidades do Procon Maceió: no Centro Universitário Uninassau, no bairro do Farol; na sede da antiga FAT, atual Centro Universitário Mário Pontes Jucá (UMJ), no Barro Duro; Centro Universitário Cesmac, no bairro Farol; e na sede do Procon Maceió, na Rua Dr. Pedro Monteiro, 47, Centro de Maceió.

O horário de funcionamento na sede do Procon Maceió é de 8h às 14h, de segunda a sexta-feira. Os núcleos da UMJ e CESMAC estão abertos ao público das 8h às 13h, de segunda a sexta-feira. Já na Uninassau, das 8h às 12h e das 14h às 17h, também durante a semana.

Para formalizar as denúncias, é necessário entregar as cópias do RG, CPF, comprovante de residência e demais documentos que forem necessários para embasar as reclamações de abuso aos direitos do consumidor.

Nicolle Salazar (estagiária) / Ascom Procon Maceió

Fechar