Prefeitura paga R$ 1.500 aos servidores da Educação referente ao auxílio internet

Benefício anunciado pelo prefeito JHC será pago de forma retroativa em 20 de dezembro e representa investimento de R$ 6,5 milhões na educação

A Prefeitura de Maceió realiza, no próximo dia 20 de dezembro, o pagamento retroativo do Auxílio Internet para cerca de 4.500 profissionais da Secretaria Municipal de Educação (Semed), por meio do programa Valoriza Educação, lançado em outubro deste ano pelo prefeito JHC.

A iniciativa permite aos servidores da educação ter acesso a uma série de medidas econômicas. Conforme a programação financeira organizada pelo Município, professores, secretários escolares, diretores, merendeiras, nutricionistas, auxiliares de sala, entre outros profissionais da área educacional, serão beneficiados com o pagamento retroativo no valor de R$ 1.500 referentes aos 12 meses de 2021.

Ou seja, o Valoriza Educação está garantindo, em dezembro, um investimento de R$ 6,5 milhões destinado aos profissionais da educação em Maceió. Mensalmente, o benefício pago pela Prefeitura de Maceió aos servidores será de R$ 125,00, reforçando o compromisso firmado e anunciado pelo prefeito JHC no ato de lançamento do programa.

Valoriza Educação trouxe uma série de medidas econômicas para os servidores da Educação, inclusive o auxílio internet. Foto: Ascom Semed

Para o secretário Municipal de Educação, Elder Maia, o recurso financeiro é importante para contribuir com os servidores que pagaram do próprio bolso o acesso à internet com o objetivo de desenvolver as suas atividades de trabalho.

“Durante a pandemia da Covid-19, em 2020, esses profissionais pagaram do próprio bolso para terem acesso à internet e desenvolverem as suas atividades. Então, ao assumirmos a gestão, o prefeito JHC determinou e aprovamos uma lei, que criou o Programa Educador Digital, e garante o pagamento desse auxílio. Além desse retroativo, todos os profissionais da educação, de novembro de 2021 a outubro de 2022, terão direito aos R$ 125 mensais para utilizarem e acessarem a rede mundial de computadores”, destacou o secretário de Educação de Maceió.

O secretário reforçou, ainda, que os valores já estarão no contracheque de dezembro, que será pago no dia 20 de dezembro, conforme já anunciado pelo prefeito JHC.

“Uma grande ação de governo, que busca valorizar, incentivar e promover melhorias nas condições de trabalho de todos os profissionais de educação de Maceió. São 4.500 educadores da ativa que estão sendo beneficiados com essa medida tão importante, necessária e oportuna neste final de ano”, concluiu Elder Maia.

Julita Bittencourt (estagiária) / Ascom Semed / Secom Maceió

Fechar