Prefeito JHC defende contínua geração de empregos com o projeto Construção Alagoas em Rede

Gestor municipal participou da apresentação da plataforma que conta com apoio da Prefeitura de Maceió e integra diversos setores

O prefeito de Maceió, JHC, participou nesta terça-feira (20), no auditório do Sindicato da Indústria da Construção do Estado de Alagoas (Sinduscon), da apresentação do Projeto Construção Alagoas em Rede. A plataforma é um aplicativo que visa colocar no mesmo ambiente construtores que estão à procura de trabalhadores para a indústria de construção e os profissionais do setor, que vão poder ver quais são os trabalhos disponíveis.

“Com a inovação nós conseguimos trazer novas soluções de forma mais rápida e gerando oportunidade de emprego e renda, podendo conectar as pessoas corretas. E com isso ganha a cidade, a indústria, a geração de empregos, a academia. É mudança de cultura. Ficamos muito felizes de sediar um projeto tão importante como esse em nossa capital, que vai ajudar no desenvolvimento da construção civil e que vai gerar muitas oportunidades através da inovação”, disse o prefeito.

Prefeito JHC cita os ganhos que Maceió e a indústria terão com o projeto Construção Alagoas em Rede. Foto: Edvan Ferreira

A criação da plataforma aconteceu após edital Digital.BR feito pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) que vai selecionar projetos de transformação digital no setor produtivo. Com isso, foi feita integração entre a Federação das Indústrias (FIEA), Sinduscon, Sebrae, Prefeitura de Maceió e Universidade Federal de Alagoas (Ufal) para a construção de uma solução em comum.

O secretário de Governança, Antonio Carvalho, explica que o trabalho integrado estimula o diálogo entre os setores, contribuindo assim para impulsionar o mercado.

“Isso facilita o trabalho de integração para diminuir o caminho entre os dois lados e a Prefeitura entra como agente de integração junto das entidades, para produzir esse aplicativo, estimular a cooperação entre os setores, contribuindo de fato na construção, opinando, estimulando o uso desse aplicativo, trazendo maior interlocução dos diversos setores para impulsionar o mercado. Hoje mostramos para a ABDI o que foi feito, como a integração se deu”, explica.

Prefeito JHC destaca o trabalho integrado entre Prefeitura de Maceió e demais agentes envolvidos na criação da plataforma. Foto: Edvan Ferreira

Para o reitor da Universidade Federal de Alagoas, Josealdo Tonholo, Maceió está tendo o privilégio de ter um projeto como esse. “A gente vê a importância das parcerias alinhadas às estratégias. A gente vai ter o privilégio de ter um projeto que está sendo entregue com seis meses, antes do calendário previsto. A Universidade, Prefeitura, Sinduscon, e os empresários requerem o que é de melhor para o Estado. Um desses setores é a construção civil, que apesar da pandemia é um setor que está sendo demandado com urgência, por causa da subsidência”.

O projeto

O Projeto Construção Alagoas em Rede surgiu com a necessidade de otimizar processos relacionados à contratação de empresas prestadoras de serviços para a cadeia da construção. A plataforma vai conectar contratantes como construtoras e empresas de arquitetura, pintura, engenharia, marcenaria, aluguel de máquinas, entre outros, com os prestadores de serviços.

O presidente do Sinduscon, Alfredo Breda, falou da importância da união entre as entidades para a realização do projeto.

“Unimos forças e conseguimos ser selecionados pela ABDI para desenvolver uma plataforma diferenciada, e acredito que ela vá se tornar uma plataforma de nível nacional. Vivemos numa comunidade na qual a gente divulga entre todos os associados o que estamos fazendo, e fazendo essa plataforma andar bem em Alagoas, vamos conseguir transferir para todo o Nordeste, Norte e depois para todo o Brasil”, disse.

De acordo com Roberto Pedreira, representante da ABDI no evento, a união de esforços institucionais é fundamental para a transformação digital e mudança de paradigmas da estrutura social.

“Nossa expectativa é que com a presença do poder público seja possível disseminar também e instalar uma luz sobre as possibilidades das políticas públicas nessa agenda. Gostaria de ver esse projeto em voos muito maiores, maiores do que os que vocês já têm alcançado. E eu queria agradecer ao prefeito JHC que é parceiro antigo da Agência, foi um dos provocadores da ABDI desde 2017, e esse projeto tem muito a cara dele, e acredito que a transformação vai ser a cara de Maceió pelo trabalho que ele vem fazendo na capital”, expôs.

“Sonho para inovação”

O vice-presidente da FIEA, José Nogueira, afirmou que este é um sonho para quem pensa em inovação e desenvolvimento. Para ele, essa é uma vitória que vai levar muitos frutos.

“Fico muito satisfeito com o grande resultado. Já tínhamos essa necessidade, de falar em construção civil, não é só os construtores, é toda a cadeia. Que essa plataforma possa transbordar para outros setores. Todo o setor industrial pode se beneficiar com uma plataforma como essa. Isso vai impulsionar a vontade das pessoas em participar. Vamos qualificar essas empresas e ter grande gama de serviços. A gente não pode desenvolver nada se não tiver os setores público, privado e a academia juntos”, discursou.

O diretor-técnico do Sebrae, Vinícius Lages disse que este é um dos desafios que as entidades têm para buscar soluções em conjunto.

“Essa é uma iniciativa que nos une. Não é por acaso que a beleza dessa iniciativa é facilitar a parceria das entidades. Quero agradecer a ABDI pela oportunidade de nos ajudar a enfrentar um problema que pode ajudar a tornar a construção civil ainda mais competitiva e ser um desenvolvimento de estado para as próximas décadas”, finalizou Vinícius.

Niviane Rodrigues e Sthefane Ferreira / Secom Maceió

Fechar