Maceió será a primeira cidade do Brasil a receber embaixador britânico

Convite foi feito pelo prefeito JHC, que reafirmou compromisso com a proteção ambiental

Secretário de Governança, Antônio Carvalho, e prefeito JHC durante reunião com embaixador britânico. Foto: Edvan Ferreira/ Maceió Secom.

O embaixador britânico no Brasil, Peter Wilson, visitará Maceió. Esta é a primeira vez que uma cidade brasileira receberá o diplomata. O convite foi feito pelo prefeito JHC em reunião online na tarde desta segunda-feira (3).

Durante a conversa, JHC também reafirmou seu compromisso com a proteção ambiental e formalizou o interesse em aderir à campanha #RaceToZero (Corrida para o Zero), lançada no ano passado com o objetivo de formar uma coalizão de líderes comprometidos em zerar as emissões líquidas de gases de efeito estufa até 2050.

“Queremos contribuir, ajudar. Nossa estrutura administrativa está aqui para o que for preciso para a gente alcançar esses objetivos. O que pudermos fazer na geração de energia limpa, na mobilidade urbana da nossa Capital, na preservação do nosso meio ambiente, nos objetivos de sustentabilidade, seja na economia, na infraestrutura, faremos. Estamos aqui abertos para firmarmos esse compromisso, que é um compromisso global. O planeta é um só e cada um tem que fazer a sua parte”, disse JHC.

Maceió será a primeira cidade brasileira visitada pelo embaixador britânico Peter Wilson. Foto: Edvan Ferreira/ Secom Maceió

A carta de compromisso será firmada durante a vinda do embaixador a Maceió. Durante o encontro virtual, JHC também apresentou as ações do Município voltadas para o meio ambiente e a sustentabilidade e disse esperar que projetos tenham sido estruturados até a 26ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP-26), que será realizada em novembro em Glasgow, na Escócia.

Peter Wilson agradeceu a atenção de JHC e se mostrou feliz em poder conhecer Maceió. “Muito obrigado, prefeito. Eu quero mesmo ir. Quero visitar Maceió. Não quero ser um embaixador só de Brasília, mas do Brasil”, disse Peter Wilson.

A reunião contou ainda com a participação do cônsul britânico no Recife, Graham Tidey.

cônsul britânico no Recife, Graham Tidey. Foto: Edvan Ferreira/ Secom Maceió
Fechar