Dia do Meio Ambiente: Prefeitura de Maceió realiza ações para preservar a natureza

Comemorado no dia 5 de junho, o Dia Mundial do Meio Ambiente tem o objetivo de chamar a atenção de todas as esferas da população para os problemas ambientais e para a importância da preservação dos recursos naturais. Nesse sentido, desde o início do ano, a Prefeitura de Maceió tem trabalhado para minimizar os efeitos negativos causados ao meio ambiente.

Atualmente, a Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) mantém o monitoramento de cerca de 180 pontos crônicos de descarte irregular, onde já foram recolhidos mais de 97 mil toneladas de resíduos sólidos.

Outro local onde a Prefeitura segue atuando é a orla de Maceió. Em abril deste ano, o órgão retirou 1000 toneladas de resíduos na foz do Riacho Salgadinho. Por mês, a Sudes recolhe, em média, 750 toneladas de lixo nas praias, provenientes do descarte irregular causado por banhistas e pedestres.

1000 toneladas de lixo recolhidos em abril - Foto: Secom Maceió
1000 toneladas de lixo recolhidos em abril – Foto: Secom Maceió

Ivens Tenório, superintendente da Sudes, destaca a data e afirma que o órgão tem trabalhado de forma intensa nas ações de preservação do meio ambiente.

“Em razão da importância da conscientização e da dimensão do impacto gerado pelo homem, o Dia Mundial do Meio Ambiente é uma data que merece bastante destaque no calendário. Estamos nos esforçando ao máximo para manter a cidade limpa e a natureza intacta. Realizamos ações de educação ambiental e disponibilizamos equipamentos para que o descarte seja feito de forma regular”, disse.

Equipe de educação ambiental passa informações sustentáveis para a população. Foto: Ascom Sudes
Equipe de educação ambiental passa informações sustentáveis para a população. Foto: Ascom Sudes

Uma parceria que vem dando certo é entre a Prefeitura e quatro das cooperativas de reciclagem da cidade. Elas são responsáveis pela coleta seletiva porta a porta, atendendo mais de 18 mil residências de Maceió, e pelo recolhimento de cerca de 100 toneladas por mês de materiais recicláveis dos 21 Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) espalhados pelas principais ruas e praças da capital.

Cooperativas fazem a separação dos resíduos recicláveis. Foto: Secom Maceió
Cooperativas fazem a separação dos resíduos recicláveis. Foto: Secom Maceió

“Para que consigamos trabalhar de forma efetiva, precisamos da população. Essa ajuda é muito significativa, pois a preservação é responsabilidade de todos. Os cuidados devem ser diários e constantes”, completou o superintendente.

Além do recolhimento dos resíduos, a Sudes contribuiu para a arborização da capital, transformando pontos de lixo em locais de preservação. Já foram plantadas mais de 850 mudas de Ipês, Craibeiras, Aroeiras, Oitis, entre outras espécies.

Alexandre Vieira/Ascom Sudes

Fechar