Convívio Social continua com ordenamento na região do Vergel do Lago

A secretaria realizou a remoção de barracos desabrigados para dar celeridade as obras do Residencial Parque da Lagoa

A Secretaria de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs), deu continuidade, nesta quinta-feira (1°), ao processo de retirada dos barracos desabrigados nas margens da Lagoa Mundaú, no Vergel do Lago, a fim de liberar espaço de área pública para o avanço das obras do Condomínio Parque da Lagoa e evitar novas invasões.

Equipe da Semscs realizando a remoção das estruturas desabrigadas. Foto: Amanda Lima

Para Thiago Prado, secretário de segurança Comunitária e Convívio Social, este é um importante passo para mudar a realidade em que se encontram essas pessoas. “São inúmeras pessoas morando em situação degradante, sem condição nenhuma, com total insalubridade e outros risco às suas vidas. Essas obras vão mudar a cara dessa região e a vida dessas pessoas que finalmente poderão ter uma moradia digna”.

O diretor de Regularização Fundiária da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra), Wagner Simas, destaca a importância da parceria com os moradores para dar celeridade às ações na região.

“Ainda existem espaços ocupados na área a ser construída. É importante essa sintonia entre a comunidade e o município, para que a obra ande e eles possam ter uma moradia digna”, afirma. 

Serão 1.776 famílias beneficiadas com as unidades habitacionais do Programa Minha Casa, Minha Vida. Marisqueiras e pescadores da comunidade que foram cadastrados em 2019 pela prefeitura terão prioridade no recebimento das unidades habitacionais.

Amanda Lima / Ascom Semscs

Fechar