Artistas destacam iniciativa da Prefeitura de Maceió no quarto dia de São João

Programação junina tem levado apresentações de artistas da capital tanto por meio de transmissões ao vivo quanto nos bairros

O quarto dia de programações da Prefeitura de Maceió continuou no sábado (26), levando muito forró para o Centro e pontos de vacinação da capital através do projeto “Forró correndo no Centro”, e também com as apresentações virtuais do “Maceió: Um dos berços do forró”, duas iniciativas da Prefeitura de Maceió e Fundação Municipal de Cultura (FMAC) que beneficiaram mais de 500 artistas de 48 grupos diferentes com os editais lançados pela FMAC.

Começando pela manhã, esse último sábado teve trio Forrozão Melodia tocando na área externa do área do Ginásio Poliesportivo Arivaldo Maia, no Jacintinho, ponto de vacinação do bairro, e o trio Pindorama Acordeon fazendo sua performance em frente ao Ônibus da Vacina, que parou na Praça Nossa Senhora de Fátima, no Feitosa. O trio Chiquinho do Acordeon também se apresentou nesse sábado no Centro da cidade.

A presidente da FMAC, Mirian Monte, com a equipe da Cruz Vermelha. Foto: Ascom FMAC
A presidente da FMAC ao lado do trio Pindorama do Acordeon na Praça Nossa Senhora de Fátima. Foto: Ascom FMAC

À noite, nas lives que estão sendo transmitidas a partir da estrutura montada na Associação Comercial de Maceió, no Jaraguá, as atrações foram comandadas pela banda Fidelis e a Cabroeira, o trio de forró Jhony César e o Forró no Balanço e o trio Marcelinho Lima, as quadrilhas juninas Falamansa e A Fazendinha e os grupos de coco de roda Reis do Cangaço e o Los Coquitos.

Os artistas que estão participando destes projetos da FMAC têm aproveitado a oportunidade para enaltecer a ação da Prefeitura em relação ao São João, pois passariam – não fossem essas iniciativas públicas do município em curso – dois anos sem se apresentar numa das festas comemorativas mais importantes para o Nordeste.

“Ano passado não tínhamos tido um incentivo tão grande como aconteceu este ano. É muito glorificante para nós, artistas – que nos dedicamos tão arduamente à levar cultura para o povo – ter uma estrutura como essa para se apresentar e saber que contamos com o incentivo da Prefeitura de Maceió”, afirma João Gomes, triangulista do trio Jhony César e o Forró no Balanço, que trabalha há mais de 15 anos como músico.

João Gomes, triangulista do trio Jhony César e o Forró no Balanço. Foto: Daniel Marinho / Ascom FMAC
Amanda Vicente, da quadrilha Falamansa. Foto: Daniel Marinho / Ascom FMAC

“Essa é a primeira vez que vejo a cultura ser tão valorizada em Maceió, e a primeira vez que danço numa estrutura tão incrível. Isso fortalece e enaltece nossa raízes” destaca Amanda Vicente, da quadrilha Falamansa, que começou a dançar aos cinco anos de idade e atua em quadrilhas estilizadas há oito anos. “Esse São João foi bonito porque se preocupou também em abraçar a diversidade, a inovação. É a primeira vez também que vejo uma secretária de cultura se juntar a nós e ir dançar quadrilha. Isso humaniza a imagem da Prefeitura, o que traz esperança e valorização para nós do meio artístico”, completa Amanda.

A presidente Mirian Monte se juntou à quadrilha junina Falamansa. Foto: Daniel Marinho / Ascom FMAC

As lives, transmitidas pelo canal oficial do YouTube da FMAC, além das redes parceiras TV Mar (canal 25 – Net), Acta OficialBR 104 e no Portal na Rede, são uma iniciativa da Prefeitura de Maceió realizada através da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC).

Neste domingo (26), a programação do São João de Maceió continua com trios de forró nos pontos de vacinação e e online, pelas lives.

Ascom FMAC

Fechar