Sem calculadora: goleiro do CSA quer equipe pensando somente em vencer

Tentando aparentemente tirar um pouco da pressão que existe atualmente no CSA por seguir dentro da zona de rebaixamento no Brasileirão (18° lugar com 29 pontos, quatro a menos do que o Cruzeiro, 16°), o goleiro João Carlos prefere analisar a situação do time alagoano de forma onde a prioridade não seja fazer contas, mas sim vencer os jogos e “ver o que acontece”.

Para ele, não adianta fazer a especulação de uma margem de pontos, mas sim sempre se concentrar em vencer todas as partidas que ainda restam.

– Teremos mais vinte e quatro pontos a disputar. Temos que errar o mínimo possível agora. Não vamos ficar pensando em pontuação mínima para escapar. Temos que vencer os jogos que faltam. Vamos lutar para fazer a nossa parte – analisou o jogador de 31 anos de idade.

– O grupo vem se dedicando muito para crescer de produção nesta reta final de temporada para terminar bem o ano, com o CSA garantido na Série A para 2020. Nossa briga será muito grande para que esse objetivo seja conquistado. Estamos fazendo o máximo por isso. Confiamos que a equipe pode se salvar nestas próximas semanas – agregou.

O próximo desafio do Azulão do Mutange na elite do futebol nacional é dos mais ásperos indo até Porto Alegre jogar contra o Grêmio na quinta-feira (7) às 21h (horário de Brasília).

04/11/2019

Fechar