Alagoas registra maior redução no número de mortes desde 2011

O número de mortes no ano de 2019 apresentou uma redução de 22,2% em relação ao ano anterior, seguindo a redução anual consecutiva dos crimes violentos letais e intencionais em todo o estado. Os dados foram apresentados na manhã desta segunda-feira (06) em uma coletiva de imprensa.

Os dados foram comparados desde 2011 quando Alagoas registrou uma média de 2.417 homicídios, enquanto em 2019 foram 1.184 mortes violentas. De acordo com os dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP), a variação do número foi respectivamente: 2011 – 232 e 2019 – 99.

“A Secretaria de Prevenção a Violência faz um grande trabalho. Os programas como o Ronda no Bairro são um grande sucesso, e hoje ocupam espaços antes ocupados pelo crime”, afirmou governador Renan Filho.

Uma outra grande redução ocorreu em Maceió, com 347 em todo ano de 2019. Segundo o Renan Filho o objetivo é chegar a 240 até o final de 2020. “Colocamos hoje Alagoas em um patamar razoável, e para melhorar, temos que trabalhar juntos. Se tem uma coisa que não se faz sozinho é segurança. Vamos ter que nos reinventar e ampliar as políticas públicas. Fazer concursos e aumentar o número de delegados para conseguir sufocar ainda mais o crime”, acrescentou ele.

Já o mês de dezembro foi o 18º mês consecutivo de redução de homicídios, totalizando 99 crimes em Alagoas. Comparando com o mesmo mês do ano de 2018, houve uma redução de 16,1%. Em Maceió foram registradas 33 mortes violentas no último mês do ano, enquanto que em 2018 o período havia contabilizado 35 crimes.

Outros índices

O roubo a transeunte teve uma redução de 18% em 2019 em comparação ao ano de 2018. De acordo com o Neac, o ano passado encerrou com um total de 8.538 ocorrências. Já o ano anterior teve um total de 10.415 casos em Alagoas.

Roubo de veículos também registrou uma redução de 36% no ano de 2019. Foram 478 ações desta modalidade, enquanto que em 2018 o número ficou em 747 casos.

A redução de roubo de cargas foi ainda mais expressiva: foram 51,8% menos ocorrências em 2019. De janeiro a dezembro, o Neac contabilizou 41 roubos de cargas. O número é menos da metade do registrado em 2018, que teve 85 ocorrências desta natureza.

Também tiveram queda os roubos a estabelecimentos comerciais. O ano terminou com um total de 338 ocorrências, enquanto que em 2018 o número foi de 427 casos. Segundo a estatística, a redução deste tipo de crime foi de 20,8%.

Outro tipo de crime que também teve uma grande redução foi o roubo a instituições financeiras. Graças ao trabalho de repressão e operações realizadas ao longo do ano, apenas quatro crimes foram registrados em todo o estado. Já em 2018 a Segurança Pública registrou 22 casos, o que demonstra que houve uma queda de 81,8%.

Em Maceió, o trabalho integrado realizado pelas Polícias Civil e Militar alcançou um resultado histórico no combate aos assaltos a ônibus. O ano terminou com 102 ocorrências. Este é o menor número registrado desde que esta modalidade criminosa começou a ser contabilizada. Quando comparado com o total de assaltos registrados em 2018, que foi de 325, constata-se que o crime reduziu em 68,6%.

06/01/2020

Fechar